Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

The Witcher: 5 armas mais fortes da franquia e as 5 mais fracas

Acontece que um cara que usa duas espadas constantemente precisa de novas com bastante frequência, claro que estamos falando de Geralt nos jogos de The Witcher. Geralt gosta de espadas, sejam de aço ou prata. Há uma tonelada de espadas diferentes ao longo dos três jogos, todas com aparências e truques muito diferentes. Então, estamos começando a falar rapidamente sobre as 5 mais fortes da franquia e as 5 mais decepcionantes. Obviamente, seria tolice colocar 5 lâminas relíquia como mais fortes e 5 comuns como mais fracas, de modo que esta lista é composta por todas as espadas com qualidade da Relic ou melhor.

10

FORTE: Iris, A Espada De Olgierd - The Witcher 3

Imagem

Iris é provavelmente uma das armas únicas mais úteis de toda a franquia, e é detida por Olgierd von Everec, o principal assunto do DLC Hearts of Stone. Se Geralt escolher salvar sua alma no final, Olgierd oferecerá esta espada para ele, uma lâmina relíquia em homenagem a sua triste esposa que partiu. É uma lâmina insanamente útil que pisca em vermelho depois de atingir o inimigo 2-4 vezes com um ataque leve. Se Geralt executar um ataque forte quando ela piscar, ela causará um dano insano ao custo de um pouco de sua saúde. Mas, o verdadeiro atrativo dessa lâmina é o fato de que todos os ataques fortes causam o dobro de dano, mesmo que "não seja carregado", portanto, confie em grandes movimentos com essa espada.

9

FRACA: Winter's Blade - The Witcher 3

Imagem

A seguir, temos um exemplo de lâmina decepcionante, tanto do ponto de vista da narrativa quanto da jogabilidade. Crach An Craite nos dá essa arma como recompensa durante nossa aventura em Skellige e nos diz para "matar alguns espectros" com ela. Um pequeno problema, é uma lâmina de aço ... que não pode ferir espectros. Para quem conhece sabe que apenas prata tende a ser uma fraqueza para a maioria das criaturas, e é por isso que Geralt usa uma espada de prata como sua arma secundária. Portanto, já não faz sentido que isso seja usado contra monstros ou a Caçada Selvagem ( existem opções muito melhores ). além disso, não é uma ótima arma estatisticamente.

8

FORTE: Aerondight - The Witcher 3

Imagem

Aerondight, como o Iris, é outra lâmina com um mecânicas extra em TW3. Também é incrivelmente rara. Mas, ao contrário do Iris, a mecânicas de Aerondight permite que ela evolua junto com o usuário, tornando-o essencialmente a lâmina pra toda hora de Geralt. É uma espada de prata, e a que a maioria dos jogadores recomenda para qualquer pessoa no final do jogo / DLC na campanha de TW3. Para resumir seu truque extra, atacar inimigos sem ser atingido gera uma carga, e se os jogadores matam um inimigo com uma "carga" completa, a Aerondight permanentemente recebe alguns pontos de dano.

7

FRACA: Blade From The Bits, a obra de Hattori - The Witcher 3

Imagem

Mais uma vez, o termo "fraco", neste contexto, é tanto em termos de dano quanto de habilidades em comparação com outras armas, além de sua decepção em termos de design, implementação ou truque extra. The Bits é uma versão relíquia de uma lâmina básica que nos foi dada por Hattori, um mestre ferreiro, depois de terminar o sidequest "Of Swords And Dumplings" em Novigrad. Sim, é incrível ter um ferreiro mestre destrancado permanentemente, mas essa "arma" que ele nos presenteia só é boa se for sua primeira arma relíquia do jogo, e mesmo assim logo será superada por armas básicas alguns níveis mais altos.

6

FORTE: Caerme - The Witcher 2

Imagem

Agora vamos deixar de falar sobre The Witcher 3 para falar sobre as espadas em alguns dos jogos anteriores da franquia. The Witcher 2: Assassin Of Kings é um jogo fantástico de uma maneira completamente diferente de Witcher 3. Cada um dos três jogos é bem diferente e o que pode funcionar em um pode não funcionar em outro. Por exemplo, no TW2, a Caerme Sword é uma das melhores do jogo e estava no nível de raridade "Mágica". Além disso, o design da lâmina em si era bastante único, dando a essa aparência serrilhada a que muitos jogadores se apegavam.

5

FRACA: Caerme - The Witcher 3

Imagem

E voltando a The Witcher 3, mas desta vez é para insultá-lo por arruinar completamente a mesma lâmina Caerme do TW2. Rapaz, gostaríamos de poder ter importado a versão W2 dessa arma em TW3, como eles deixaram na transição de W1 para W2. Em vez de ser uma arma de raridade mágica, é uma relíquia na terceira iteração, e não é memorável de maneira alguma fora do seu design clássico. E, em vez de ser uma recompensa de uma missão, o Caerme agora é apenas um lote aleatório.

4

FORTE: G'valchir - The Witcher 1

Imagem

The Witcher 1 é uma fera totalmente diferente de seus sucessores, e tentar jogá-lo hoje em dia pode ser um pouco difícil, você precisa solucionar algumas coisas para fazê-lo funcionar normalmente. Mas, se os jogadores resistirem, a primeira entrada é absolutamente uma experiência incrivel para os fãs da franquia. Ele também tem menos "variáveis" em jogo quando se trata de armas, então havia opções certas para as melhores e piores armas do jogo. E, a melhor espada de aço na adaptação original do CDProjekt foi sem dúvida G'valchir, uma recompensa de uma missão chamada "Won't Hurt A Bit". Essa espada insanamente boa essencialmente causa o dobro de dano, além de perfurar toda a armadura por padrão.

3

FRACA: Blood Sword - The Witcher 2

Imagem

Aqui está o ponto, essa espada é realmente a melhor Espada de Prata que Geralt poderia usar para todo o Capítulo 2 em TW2: Assassin of Kings . Então, por que está na parte mais fraca desta lista? Bem, porque o processo para obtê-lo é desnecessariamente complexo e restritivo, o que, por fim, não vale a pena do no ponto de vista. Para resumir uma longa explicação, a espada é restrita apenas ao caminho de Roche e, mesmo assim, às vezes o caminho para ele é bloqueado. Aparentemente, no Xbox 360, ele estava disponível para ambas as rotas, e muitos jogadores estavam confusos sobre o motivo pelo qual as pessoas no PC estavam tendo tantos problemas para encontrá-la. Se você souber onde ele está e o caminho não está bloqueado, pegue-a, mas, caso contrário, não vale a pena o esforço.

2

FORTE: Moonblade - The Witcher 1

Imagem

Lembra eue dissemos que o G'valchir era a melhor espada de aço no primeiro jogo de Witcher? Bem, a Moonblade era de longe a melhor espada de prata. Esta arma é simples, mas muito bem projetada e combina muito bem com qualquer um dos incríveis conjuntos de armaduras de Geralt. Curiosamente, essa arma é adquirida da mesma maneira que o G'valchir, onde é uma recompensa dada a Geralt pelo Caçador Real depois de trazer todas as dez cabeças de Monstros como Troféus. Geralt pode escolher entre esta ou o G'valchir, e recomendamos pegar a Moon, considerando que você pode obter o G'valchir de outra maneira. Também tem um efeito semelhante à espada de aço, basicamente dobrando seu dano com esta arma de prata.

1

Fraca: Addan Deith em The Witcher 3

Imagem

Estamos terminando com uma espada cujo dono anterior nos dá dicas sobre personagens de grande importância na franquia The Witcher, Você pode encontrar essa espada perto do final de Witcher 2 e uma voz fala com você quando você a pega. Basicamente, a descrição para esta arma é de um elfo que vem de outro mundo, onde o rei da caçada selvagem governa. Addan Deith é encontrada em Loc Muinne, na sala das runas a noroeste. É uma espada bastante decente e importante para o enredo pois permite aos fãs conhecer sobre a caça selvagem e os outros mundos em TW2. Mas, mais uma vez, ela reaparece, agora em The Witcher 3 com nenhuma das habilidades anteriores que possuía, você pode a encontrar em um baú aleatório em Velen. A espada está relacionada à caça selvagem, mas em TW3 é mais uma arma relíquia como qualquer outra.

Fonte: Thegamer

Comentários

30 Mai, 2020 - 21:30

1159 Views

Comentários