Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

The Swords of Ditto – Mormo’s Curse: desafiador e divertido na medida certa

Desenvolvido pelo estúdio independente Onebitbeyond e publicado pela Devolver Digital, "The Swords of Ditto" é um RPG de ação lançado em abril de 2018. Agora em maio de 2019 foi disponibilizada a expansão Mormo’s Curse, simultaneamente com o lançamento do título para o Nintendo Switch.

Imagem

Em "The Swords of Ditto", sua missão é se defender e derrotar a vilã Mormo o mais breve possível, pois se o tempo limite esgotar ou se você morrer durante a aventura, terá de recomeçar do zero e controlando um novo personagem gerado aleatoriamente pelo game; se a mecânica parecer desafiadora demais para você, saiba que existe um modo cooperativo para até dois jogadores, que torna a jornada mais tranquila e ainda mais divertida!



Algo que chama a atenção nos mundos de "The Swords of Ditto" é a sua arte encantadora de um jeito um tanto caótico. As dungeons geradas para cada aventura podem ser cidades super tecnológicas ou abandonadas, templos antigos, cavernas ou florestas assustadoras; é possível até encontrar casas de gatos e polvos gigantes no universo do jogo! Tudo é muito colorido e simples, com um ar bagunçado e bem cartunesco que lembra desenhos animados, mas apesar dessa atmosfera lúdica, o jogo nos leva a aventuras ameaçadoras e que desafiam até a mais corajosa das heroínas…

Imagem

Para começar, é preciso saber que não importa quantas vezes você pretende jogar "The Sword of Ditto", a cada nova dungeon você viverá uma experiência diferente das anteriores. Ainda que independentes, estas pequenas aventuras são interligadas por uma principal e suas vitórias, ou fracassos, afetam as próximas incursões! Por exemplo, a jogadora pode, ou não, encontrar armas especiais ou mesmo tesouros esquecidos por heróis que fracassaram anteriormente, e além da missão principal, que é derrotar Mormo, há também missões secundárias e secretas, que podem ser concluídas de acordo com a vontade e disposição da jogadora.

Um detalhe importante é que ao recomeçar você nunca saberá qual herói ou heroína será em seu próximo jogo, pois a geração de personagens é feita aleatoriamente pelo próprio sistema – então você poderá ser um herói, uma heroína ou até um animal e isso não causará nenhum tipo de interferência na progressão ou habilidades, em função do gênero "escolhido", ou mesmo em sua experiência! Sem falar que é sempre muito legal poder jogar um game que não reforça nem prende a jogadora a estereótipos de gênero.

Fonte: Youtube

Comentários

13 Jan, 2022 - 20:47

407 Views

Comentários

Notícias