Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

Diretor do primeiro God of War fala sobre “aquele” minigame

David Jaffe afirma que Kratos queria esconder sua dor através de "mulheres e álcool"

God of War (2005) é um dos games mais populares do saudoso PS2, por conta da sua grande quantidade de ação. Entretanto, o jogo não está livre de controvérsias, uma vez que os jogadores podem entrar em um minigame, onde Kratos tem relações com algumas mulheres. Pois bem, o diretor David Jaffe explicou o motivo de ter colocado esse conteúdo no game.

Desde que o título foi lançado, alguns fãs se questionaram se tal recurso era apenas "fanservice". Afinal de contas, o protagonista se encontrava em uma jornada para se vingar de Ares e, provavelmente, não se divertiria dessa forma antes de matar seu inimigo.

Em resposta a um jogador, Jaffe afirmou ter incluído o minigame, pois era uma forma de "afastar os pesadelos" de Kratos, que matou sua própria família. Além disso, álcool e mulheres escondiam a sua dor — algo mostrado no diário próximo à sua cama, no começo do jogo.



O diretor de God of War (2005) também contou saber que a maioria das pessoas "não entenderiam" o propósito do minigame. No entanto, ele quis adicioná-lo "porque seria legal para a história". Vale também lembrar: ao finalizar a "tarefa", o personagem era recompensado com orbes vermelhas, que aumentavam o poder das "Lâminas do Caos".

Fonte: Meups

Comentários

22 Fev, 2021 - 15:43

520 Views

Comentários

Notícias