Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

Diferentemente de MGS V, produção de Death Stranding levou menos de 3 anos

Recentemente Hideo Kojima foi ao Twitter e postou uma linha do tempo sobre o ciclo de desenvolvimento de Death Stranding... E diferentemente de Metal Gear Solid, a produção do jogo levou menos de 3 anos.

De acordo com os tweets do Kojima, o desenvolvimento de Death Stranding começou bem dizer que imediatamente depois que ele deixou a Konami.

Kojima já meio que tinha o conceito principal de Death Stranding em algum lugar da sua mente ainda no tempo em que trabalhava em Metal Gear Solid V: The Phantom Pain... Talvez tenha sido uma daquelas ideias da qual ele sempre quis trabalhar... Mas obviamente na época do MGS V, isso era só uma ideia, o desenvolvimento conceitual de Death Stranding começou mesmo em 2014-2015.

Kojima segue relatando então que seu estúdio, a Kojima Productions, foi o primeiro grande passo no desenvolvimento do jogo. Foi através dele que ele teve liberdade criativa para tomar decisões importante e assim tornar Death Stranding uma realidade.

Final de 2015 - Estabeleci a Kojima Productions e comecei a recrutar

Janeiro de 2016 - Fui a busca de uma engine

Abril de 2016 - Comecei a construção do design do Ludens

Maio de 2016 - Me mudei de escritório

Junho de 2016 - Anúncio do primeiro trailer

Julho de 2016 - Anúncio do primeiro trailer da Kojima Productions

Outono de 2016 - Decidi qual seria a engine

Dezembro de 2016 - Tivemos que dar uma pausa nas gravações devido a greve do Sindicato de Atores dos EUA

Após decidi qual seria a engine, o próximo passo foi escolher um rosto para Death Stranding... Depois de muita consideração, Kojima escolheu então Norman Reedus, que é notoriamente conhecido por seu trabalho na série The Walking Dead.

Guilherme del Toro também estava cotado para co-dirigir ao lado de Kojima... Então quando Kojima apresentou o conceito de Death Stranding para Reedus, ele ficou bem impressionado e subiu à bordo.

Coisas como captura facial com iluminação dinâmica, scan de corpo inteiro e captura de movimento foram extensamente usados para o primeiro trailer de Death Stranding.

Imagem

Então, quase 6 meses depois que o primeiro trailer fora lançado, Kojima apresentou o material de Death Stranding para Mads Mikkelsen, via Skype, o ator logo decidiu embarcar à bordo também. E no segundo trailer de Death Stranding, lá estava Mads... E Guilhermo del.

Então com o nascimento da Kojima Production, usando a DECIMA engine, com Del Toro, Reedus e Mikkelsen no barco, Death Stranding entrou em definitiva produção... E como dizem por aí... O resto? O resto é história.

Traduzido por Alves_TR.

Fonte: Segmentnext

Comentários

04 Jun, 2019 - 22:26

374 Views

Comentários