Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

God of War teve "um monte" de chefes cortados, diz diretor

Cory Barlog indica que Trolls nem deveriam contar como chefes, inicialmente

Apesar de ter sido aclamado pela crítica e público, God of War foi criticado por não ter uma variedade maior de chefes, dependendo principalmente de Trolls como seu desafio principal.

Em uma entrevista para o canal de YouTube NoClip, do jornalista Danny O'Dwyer, o diretor Cory Barlog revelou que isso nem sempre foi o caso, mas que estes chefes acabaram sendo removidos da versão final.

"Nós cortamos um monte de chefes", disse. "Um monte. Tínhamos tantos mais. Era para ser um jogo muito mais ambicioso e bem, bem mais louco, mas conforme você segue o desenvolvimento começa a perceber: 'Não. É muito grande. Não dá pra fazer isso.'"

De acordo com Barlog, um chefe requer 30 pessoas e cerca de um ano e meio de desenvolvimento para ser criado - enquanto ainda eram responsáveis por diferentes funções do game.

Um fato curioso é que, inicialmente, os Trolls nem deveriam ser considerados chefes no game, e que só chegaram a este ponto pelo uso da barra de energia.

"Esta é uma outra coisa que gostaria de mudar", explicou. "Colocamos a barra de chefe na tela porque o Troll é tão grande que você precisava ficar olhando constantemente para cima, e a barra nos pés dele era ridícula!"

Barlog também lamenta que um dos elementos que foram cortados tinha relação com os Trolls, e o genocídio imposto às tribos deles por Odin e Tyr.

A entrevista completa pode ser conferida abaixo (em inglês):

Fonte: Theenemy

Comentários

18 Jan, 2019 - 02:13

475 Views

Comentários