Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

NVIDIA VOLTA, A PLACA DE VÍDEO MAIS PODEROSA DO MUNDO

A NVIDIA anunciou durante a GTC sua nova arquitetura Volta para assumir o cargo de placa de vídeo mais poderosa do mundo, criada para impulsionar a próxima onda de avanços em inteligência artificial e computação de alto desempenho.

A empresa informa também a chegada de seu primeiro processador baseado em Volta, a placa de vídeo de data center NVIDIA® Tesla® V100, que traz extraordinária velocidade e escalabilidade para a inferência e treinamento de AI, bem como para acelerar HPC e cargas de trabalho de gráficos.

"A inteligência artificial está impulsionando os maiores avanços tecnológicos da história humana", diz Jensen Huang, fundador e diretor executivo da NVIDIA. "Ela automatizará a inteligência e estimulará uma onda de progresso social inigualável desde a revolução industrial.

Volta, a arquitetura de placa de vídeo de sétima geração da NVIDIA, é construída com 21 bilhões de transistores e oferece desempenho equivalente a 100 CPUs para deep learning. Ela oferece uma melhoria de 5 vezes em relação a Pascal, a arquitetura da geração atual de placas de vídeo da NVIDIA, em teraflops de pico, e de 15 vezes em relação à arquitetura Maxwell, lançada há 2 anos. Esse desempenho ultrapassa em 4 vezes as melhorias previstas pela lei de Moore.




A demanda pela aceleração da AI nunca foi tão grande. Desenvolvedores, cientistas de dados e pesquisadores cada vez mais dependem de redes neurais para impulsionar seus próximos avanços na luta contra o câncer, tornar o transporte mais seguro com veículos autodirigidos, oferecer novas experiências inteligentes aos clientes e muito mais.

Os data centers precisam fornecer potência de processamento cada vez maior à medida que essas redes se tornam mais complexas, além de eles precisarem de dimensionamento eficiente para suportar a rápida adoção de serviços altamente precisos baseados em AI, como assistentes virtuais de linguagem natural e sistemas personalizados de busca e recomendação.

Volta se tornará o novo padrão da computação de alto desempenho. Ela oferece uma plataforma para sistemas de HPC para se destacar na ciência computacional e na ciência de dados para descobrir percepções. Com a associação de núcleos CUDA® ao novo Volta Tensor Core dentro de uma arquitetura unificada, um único servidor com placas de vídeo Tesla V100 pode substituir centenas de CPUs de commodity para o HPC tradicional.

Tecnologias avançadas

A placa de vídeo Tesla V100 supera as gerações anteriores de placas de vídeo NVIDIA com tecnologias inovadoras que permitem quebrar a barreira de 100 teraflops de desempenho de deep learning. Ela inclui:

• Tensor Cores projetada para acelerar as cargas de trabalho de AI. Equipada com 640 Tensor Cores, a V100 oferece 120 teraflops de desempenho de deep leaning, equivalente ao desempenho de 100 CPUs.

• Nova arquitetura de placa de vídeo com mais de 21 bilhões de transistores. Combina núcleos CUDA e Tensor Cores em uma arquitetura unificada, fornecendo o desempenho de um supercomputador de AI em uma única placa de vídeo.

• NVLink™ fornece a próxima geração de placas de vídeo de link de interconexão com alta velocidade e placas de vídeo para CPUs, com até 2 vezes o throughput da geração anterior NVLink.

• 900 GB/s HBM2 DRAM, desenvolvida em colaboração com a Samsung, atinge 50% mais largura de banda de memória do que as placas de vídeo da geração anterior, essencial para suportar a extraordinária produção computacional da Volta.

• Software otimizado para Volta, incluindo software CUDA, cuDNN e TensorRT ™, cujos frameworks e aplicativos principais podem facilmente ser usados para acelerar a AI e a pesquisa.


Fonte: Lockgamer

Comentários

18 Mai, 2017 - 10:55

1895 Views

Comentários