Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar

Os 10 "cheat codes" mais legais dos games

Com o foco da indústria voltando-se para jogos online e com Troféus e Conquistas, os bons e velhos "cheat codes" acabaram desaparecendo.

Mas as trapaças de outrora ainda fazem parte do imaginário gamer, e algumas delas nos trazem memórias nostálgicas de tempos mais inocentes também nos videogames.

Separamos em uma lista 10 das mais marcantes trapaças da história. Qual delas você já usou?

Imagem


10. Poder infinito no "Age"

"Qual é a graça de construir e destruir tudo automaticamente com um mero toque em 'Age of Empires',?" você pergunta. Eu não sei dizer ao certo, mas mesmo assim, adorava usar o código "aegis" para fazer o que bem entendesse com meus exércitos medievais.

Imagem


9. Dinheiro, saúde e armadura

Dê um DualShock 2 em minhas mãos e automaticamente farei o código para obter dinheiro, saúde e armadura no "GTA: San Andreas". Já é memória muscular. A trapaça deixava muito mais fácil a vida de quem gosta de explorar os mundos abertos da série como um enorme parque de diversões.

Imagem


8. "Bullet time" infinito

Muito antes de "Quantum Break", "Max Payne" já conseguia controlar o tempo livremente durante tiroteios? Ao menos quando o código de 'bullet time' infinito era ativado. A ação tornava-se mais fácil, mas também muito mais dramática e engraçada.

Imagem


7. "Em chamas" pra sempre

Estar "em chamas" no "NBA Jam" basicamente significava ativar o modo fácil. Os jogadores ficavam mais rápidos e precisos em seus lançamentos, e a ação ficava muito mais frenética. Com um código que devia ser ativado antes da partida começar, dava para ficar 'em chamas' infinitamente. Boomshakalaka.

Imagem


6. Modo debug no "Sonic 2"

Na época em que cada cartucho precisava render centenas e mais centenas de horas de diversão, todo mundo conhecia de cabeça cada canto de "Sonic the Hedgehog 2". Destravar o modo debug do game era uma bênção para essas pessoas, já que a trapaça permitia colocar itens por todos os lados, voar livremente pelas fases, e várias outras brincadeiras.

Imagem


5. Mais dinheiro no "The Sims"

Exatamente como no mundo real, iniciar a vida com uma montanha de dinheiro em ?The Sims? é muito mais legal. Escrever "rosebud" ou "klapaucius" (seguido de inúmeros "!;!;!;!;!;") na caixa de diálogo rendia uma fortuna em Simoleons, e deixava todas as mobílias de seus sonhos a um clique de distância.

Imagem


4. Akuma jogável

Conseguir desbloquear Akuma em "Super Street Fighter II Turbo" era mais difícil que muitos dos combos do game. O processo envolvia deixar o cursor sobre certos lutadores por três segundos cada, e depois apertar os três botões de soco mais Start. Mas valia a pena.

Imagem


3. Modo 'deus' no "Doom"

Não foi "Doom" que inventou o God Mode. Mas é no clássico shooter da id Software que a trapaça é mais satisfatória. Afinal, tornar-se um 'deus' para acabar com os demônios do inferno faz bastante sentido.

Imagem


2. Sangue no "Mortal Kombat"

Uma verdadeira lenda dos parquinhos de diversão, o código para ativar sangue na versão de Mega Drive de "Mortal Kombat" tirou o sono de muitos pais. E também deixou com inveja quem tinha o cartucho do game para Super Nintendo, no qual o código não funcionava.

Imagem


1. O código Konami

Cima, cima, baixo, baixo, esquerda, direita, esquerda, direita, B, A. Mais de 30 anos após sua primeira aparição em "Gradius", o 'código Konami' ainda é o maior 'cheat code' do mundo dos games. O truque para conseguir um kit de 'power-ups' é reproduzido até os dias atuais, até mesmo fora da indústria dos games. Um exemplo: colocar o código no site oficial do Banco do Canadá faz chover dinheiro na tela.

Fonte: Jogos/Uol

Comentários

06 Mai, 2017 - 19:02

2765 Views

Comentários