Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar
4.5
Análise de Gran Turismo Sport de Tribo Gamer

Pior Gran Turismo já lançado?

A franquia Gran Turismo sempre foi considerada um sinônimo de excelência e de liderança no mundo dos jogos de corrida, mas ela andava completamente sumida do mundo dos games desde Gran Turismo 6, lançado ainda em 2013 para o PlayStation 3. Quatro anos depois, a franquia retorna no PS4 com o objetivo de mostrar ao mundo que quem é rei não perde a majestade. Será que o jogo consegue fazer isso?

Gran Turismo Sport é um jogo bem diferente dos Gran Turismos que estamos acostumados. A primeira grande mudança já surge no momento em que você inicia o jogo sem ter um profile conectado na PSN. Caso você faça isso, o jogo avisa que não conseguirá salvar o seu progresso, e que você poderá jogar apenas o modo arcade dele. Mau sinal? Isso é só o começo.

Depois desse primeiro alerta, o jogo inicia fazendo algumas perguntas a você sobre a forma como você prefere correr, da maneira clássica usando os botões digitais e o X e Quadrado para acelerar e frear respectivamente ou uma configuração mais moderna usando o direcional analógico e os botões dos ombros. Após essa escolha, eu resolvi jogar o modo campanha do jogo, afinal de contas, jogar online não é exatamente o meu foco em jogos de corrida… e eu descobri que o jogo não tem campanha.



Por campanha, Gran Turismo Sport quer dizer que você tem que fazer os desafios que anteriormente eram obrigatórios para tirar as carteiras de motorista do jogo e alguns desafios do tipo "comece essa corrida em sexto e termine entre os três primeiros", e coisas do tipo. E basicamente somente isso. Não, é sério, isso é tudo o que a campanha do jogo traz no modo single player.

Caso você queira jogar um campeonato sozinho, a sua única opção é ir comprar Driveclub ou The Crew, já que Gran Turismo Sport não oferece essa possibilidade. Tudo o que o jogo oferece no modo single player são esses desafios supracitados, onde você ganha níveis e dinheiro para comprar novos carros, e o modo Arcade, onde você escolhe uma pista, escolhe o nível de dificuldade dos adversários e o carro que você vai usar.

O que Gran Turismo Sport oferece então como alternativa? Campeonatos online com outros jogadores, e basicamente só isso. Eu sinceramente não consigo entender o que deu na Polyphony para tomar essa decisão. A impressão que dá, sinceramente, é a de que Gran Turismo regrediu ao invés de evoluir nesses quase 4 anos que se passaram entre Gran Turismo 6 e Gran Turismo Sport. A quantidade de conteúdo do jogo é vergonhosa, ainda mais se tudo o que você quer fazer é botar um jogo de corrida no PS4 para correr algumas contra a máquina para desopilar. Se esse é o seu objetivo, mantenha-se bem longe de Gran Turismo Sport, pois você vai estar perdendo tempo e dinheiro aqui.

O meu problema não é com o fato do jogo ser focado em modos online, mas, sinceramente? Isso não é o suficiente. Não há nada que incentive o jogador single player a jogar uma partida aqui e outra lá de vez em quando. Todos os outros jogos do gênero na atualidade fazem isso, alguns de maneira melhor e outros de maneira pior, mas a impressão que dá é que Gran Turismo Sport só faltou colocar uma placa gigante no logo dizendo "Nós somos 100% online, e se você não gosta disso, azar o seu".

Mesmo pegando apenas o modo online do jogo para analisar a impressão que fica é a de que o jogo involuiu e está devendo conteúdo em relação à concorrência, principalmente em relação a Forza 7, jogo lançado há cerca de 2 ou 3 semanas. Chega a ser desconcertante o fato do jogo ter seu lançamento adiado no ano passado para que o produto final pareça tão incompleto e raso.

Vale ressaltar ainda que Gran Turismo Sport conta com um modo VR para quem possui um headset PlayStation VR, sendo, salvo engano, o primeiro jogo de corrida da plataforma, mas como não possuímos um PSVR no momento, não pudemos avaliar esse modo.

Em termos de jogabilidade, Gran Turismo Sport é um jogo com a qualidade da franquia Gran Turismo, ou seja, os controles são precisos e os carros são gostosos de se correr. Graficamente o jogo também é bonito, ainda que não tão bonito quanto outros jogos da concorrência. Para completar, a trilha sonora do jogo é interessante.

RESUMO PARA OS PREGUIÇOSOS

Gran Turismo Sport não é um jogo para todo mundo, e mesmo para o seu público alvo a impressão é a de que ele fica devendo muito conteúdo em relação a outros concorrentes. Tirar todo e qualquer tipo de campeonato single player é uma das decisões mais sem pé nem cabeça que eu vi nesse ano, tanto que dá para arriscar dizer que esse não é um Gran Turismo de verdade, e sim um impostor. Infelizmente para os donos de um PS4, ainda vale voltar para o PS3 e jogar ou Gran Turismo 5 ou Gran Turismo 6, porque Gran Turismo Sport não faz jus ao nome que carrega.

NOTA FINAL

Abaixo da média. O jogo (ou filme/série) pode até ter qualidades, mas os problemas também são evidentes, tornando assim difícil indicar um jogo (ou filme) com essa classificação.

Prós

  1. A jogabilidade tradicional e precisa de Gran Turismo está aqui


Contras

  1. O jogo é basicamente sempre online
  2. Não há uma campanha de verdade single player, você não pode correr nenhum campeonato, e tudo o que você pode fazer é jogar desafios bobos ou corridas solo no modo arcade
  3. Mesmo no modo online a impressão é de que o jogo fica devendo conteúdo


Fonte: Criticalhits

0 Comentários

26 Out, 2017 - 17:20

1611 Views

4.5

Como você avalia o Gran Turismo Sport?

0
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Escrever Análise

Comentários