Baixe agora o app da Tribo Gamer Disponível na Google Play
Instalar
9.0
Análise de DIRT 4 de Tribo Gamer

Um ato de equilíbrio da Codemasters, mas será suficiente para agradar a Gregos e Troianos?



Quando começam a jogar Dirt 4 têm de tomar uma decisão importante, uma escolha que vai definir a vossa experiência de jogo: "Jogador" ou "Simulação". Esta escolha define se a jogabilidade será arcade, ou algo mais próximo do realismo. Como isto não é Dirt Rally, mas Dirt 4, a Codemasters pretende agradar a "Gregos e Troianos", que é o mesmo que dizer a fãs casuais ou jogadores veteranos de jogos de condução. Em termos de mecânicas a correr por baixo do capô, Dirt 4 utiliza o mesmo motor de física e os mesmos cálculos que Dirt Rally, mas a dificuldade e os controlos foram suavizados para a experiência Jogador.

Embora a nossa preferência nos últimos anos tenha recaído para o ralicross, continuamos a seguir o campeonato de WRC com entusiasmo, e jogámos Dirt Rally frequentemente. Apesar dos nossos esforços, nunca chegámos a um patamar de qualidade com Dirty Rally, e de forma geral, tendemos a preferir uma experiência mais equilibrada do que uma simulação pura. Dirt Rally é soberbo, mas é também um jogo difícil e sem piedade. Foi por isso que optámos jogar Dirt 4 como "Jogador", e de seguida fomos para a escola de rali que o jogo oferece. É um extenso modo de tutoriais, que dura quase uma hora, e que ensina várias técnicas aos jogadores com uma mistura de vídeos e exercícios práticos.

Imagem

Dirt 4 tem muitas semelhanças com Dirt Rally, mas não é o mesmo jogo. Os carros, independentemente da sua categoria, parecem ser controlados de forma mais direta, o que torna de imediato a jogabilidade mais acessível. Não nos interpretem mal, Dirt 4 ainda pode ser um desafio duro de roer, mas todas estas opções, em conjunto com a "escola", tornam a experiência mais acessível a todos os jogadores. Apesar de todos estes elementos, os carros ainda variam imenso entre si, e a sensação de condução distingue-se dependendo de vários fatores. Dirt 4 é inegavelmente mais fácil de controlar e conduzir que Dirt Rally, mas não vai ao ponto de se tornar num jogo arcade.

Imagem

De certa forma, Dirt 4 parece uma sequela de Dirt Rally, e em parte isso também se deve à apresentação geral dos menus e da interface. Dirt 4 tem o seu próprio estilo, mas nota-se que pertence à mesma família. Uma das propostas mais interessantes é o novo modo carreira, dividido em quatro classes: rali, landrush, ralicross, e rali histórico. Rali e Rali Histórico são exatamente o que os nomes sugerem, competições regulares de rali através de Suécia, Austrália, EUA, e outros países. Não contem, contudo, com as licenças oficiais, por a Codemaster não as tem. Quanto a Landrush, é um modo que transita de outros Dirt, com muitas curvas apertadas e saltos. É um modo com maior foco na técnica, onde podem por em prática algumas das técnicas que aprenderam no modo escola. Ralicross regressa depois da estreia em Dirt Rally, com a inclusão de novos circuitos. São corridas velozes, frenéticas, e divertidas, tal como a modalidade em que se baseia, e será provavelmente o nosso modo favorito.

Imagem

Além das próprias corridas, também existe a opção para construir uma equipa para as competições, gerir patrocinadores, e orientar mecânicos, relações públicas, e navegadores. Para cada tipo existem diferentes escalões e qualidade, e respetivamente, de ordenado. Podem oferecer-lhes contratos abaixo das suas capacidades, mas isso irá impactar o seu desempenho a médio prazo, e se querem uma equipa eficaz, terão de investir dinheiro com cuidado. Por exemplo, se melhorarem a relação com os patrocinadores, vão também aumentar a eficácia do departamento de relações públicas, e tudo está ligado para conseguirem triunfar no modo carreira. Como o dinheiro não dá para tudo, têm de gerir o que gastam em carros, investimentos, e melhoramentos. É um elemento de complexidade que é muito bem vindo ao modo carreira.

Imagem

Além do modo carreira, podem participar em várias outras atividades. Pro Tour e Community Events são competições diárias, semanais, e mensais onde podem tentar cumprir objetivos ou desafiar outros jogadores. São normalmente propostas desafiantes, que ainda proporcionam créditos e servem para prolongar a longevidade do jogo. Infelizmente não tivemos a hipótese de experimentar o modo online, mas não foge muito ao que é típico em Dirt. Se estão interessados em aumentar o apelo do jogo a longo prazo, ainda existe uma opção para gerar pistas de forma aleatória, selecionado apenas alguns parâmetros como país, clima, e comprimento.

Imagem

Jogámos Dirt 4 durante mais de 20 horas, e tivemos a sorte de o experimentar nas três plataformas. Do que vimos, a olho nu, Dirt 4 nunca nos pareceu descer abaixo dos 60 frames por segundo, o que garante um nível de fluidez soberba. Contudo, essa fluidez tem um custo, e neste caso foi o grafismo que pagou a fatura. Dirt 4 é um jogo belo, superior a Dirt Rally, mas não tem a capacidade gráfica de jogos como Forza Horizon 3, por exemplo. Ainda assim, tudo somado, Dirt 4 é tecnicamente impressionante. Se o grafismo de Dirt 4 não é o melhor que já vimos, pelo menos o departamento sonoro está lá perto. A música, o barulho dos motores, o som dos pneus a queimar na estrada, o navegador... é quase perfeito. Trabalho de topo da Codemasters.



Tecnicalidades à parte, Dirt 4 é uma sequela de Dirt Rally ou de Dirt 3? É um simulador ou um jogo arcade? Na verdade, é um pouco de ambos. É mais fácil e acessível que Dirt Rally, mas sem comprometer realismo. O que faz é permitir ao jogador moldar a sua experiência, além de apresentar um excelente modo escola para novatos e veteranos. Existe um sentimento de progressão evidente ao longo de toda a experiência, independentemente do vosso nível de condução e jogabilidade.

Imagem

O modo carreira é verdadeiramente recompensador, o som é do melhor que já ouvimos, e a apresentação e estrutura geral do jogo é excelente. Gostaríamos que o modo Hill Climb, de outros Dirt, estivesse presente em Dirt 4, sobretudo para acrescentar variedade, mas isso não faz realmente falta ao jogo. É um excelente sucessor para Dirt 3 e Dirt Rally, uma obra-máxima para o gênero de rali, e uma experiência de jogo que tudo para agradar a Gregos e Troianos.

Veredito

  1. + Excelente jogabilidade. Modo carreira bem estruturado. Escola de rali executada com sucesso. Bons níveis de produção. Muitos veículos.
  2. - Sentimos falta do modo Hill Climb. Esperávamos um pouco mais do grafismo.


Fonte: Gamereactor

0 Comentários

13 Jul, 2017 - 20:29

1299 Views

9.0

Como você avalia o DIRT 4?

0
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
Escrever Análise

Comentários